Home

podium usa 2020 960x540

 

GP VIRTUAL DOS ESTADOS UNIDOS EM AUSTIN

RODRIGO FIGUEIRA (FERRARI VIRTUAL) VENCE A SUA QUINTA CORRIDA NO ANO E FICA À 46 PONTOS DO LÍDER RANIERI (MCLAREN VIRTUAL)

 

FIGUEIRA É POLE EM AUSTIN

RODRIGO FIGUEIRA DA FERRARI VIRTUAL TEM SUA 5ª VITORIA NA TEMPORADA E E STÁ APENAS A 46 PONTOS DO LIDER VINÍCIUS RANIERI.

 

A quinta vitória do piloto Rodrigo Figueira (Ferrari virtual) veio em boa hora, na reta final da temporada 2020 (18/21), diminuindo a distância entre ele (Figueira 265) e o líder Ranieri (311 ); com 78 pontos em jogo, na matemática da pista, tudo é possivel. O pole position largou sem maiores problemas do grid de largada (compostos médios), grid este, com apenas 14 carros. Seus maiores embates na pista foi com Israel Silva (McLaren virtual), que largou em terceiro do grid e logo ocupa o segundo posto, porém, Silva não foi páreo para Figueira. No topo do pelotão na maior parte da prova, salvo quando o topo estava com Silva, Figueira só perdia para ele mesmo, o piloto estava em uma tocada vencedora. A última vitória do piloto foi em Spa, logo, já estava na hora da Ferrari virtual triunfar na pista. Com direito a fair play, sustos no fim da prova e, claro, diversão (solução sim).

 

FALA PILOTO!

" Não estou lutando contra qualquer piloto, Vinicius Ranieri é um excelente piloto, tem uma cabeça fora de série"

RODRIGO FIGUEIRA

O vice líder soma um total de 265 pontos na competição, junto com Fred Fungaro, seu companheiro de equipe, colocam a Ferrari virtual no top-2 dos construtores. Faltam apenas três etapas para o término do campeonato, se havia um momento ideal para o piloto cravar a vitória, esse momento foi em Austin. Grid enxuto, corrida dinâmica, sem safety cars, nada de bandeiras amarelas. Figueira segue vivo no jogo, em uma temporada digna de nota. Vale lembrar que Ranieri estava ausente, contudo, a última vitória do líder Ranieri foi na Itália, décima quinta etapa.

 

FAZENDO EFEITO

O segundo lugar do podium foi Israel Silva, piloto da McLaren virtual, que largou em terceiro lugar do grid de largada, mas já na primeira curva apresenta as credenciais à Nocera (Toyota virtual), ultrapassando Nocera com a faca na boca. Os embates com Figueira e os momentos em que liderou o pelotão, colocam o piloto como um grande concorrente ao top-2 da temporada. Silva foi o único piloto do grid que largou de compostos vermelhos, demonstrando uma certa singularidade na pista. Mesmo correndo sem a presença marcante de seu companheiro de equipe (Ranieri), o piloto não deixou a peteca cair, sua estratégia singular e ousada, enviava um sinal claro para o pole position Figueira: A McLaren virtual está na pista! Silva tem duas vitórias na temporada, figura sempre presente no podiuns da temporada, soma um tota de 198 pontos no capeonato.

 

A TOCADA DE EDUARDO MARQUES

O terceiro lugar ao sol, digo, do podium, foi de Eduardo Marques, piloto da Racing Point virtual. O piloto largou em oitavo do grid de largada, de compostos médios, passando ao quinto posto em um estalo. Antes da volta dez, Marques ocupava o terceiro posto do pelotão. Vale lembrar o episódio onde a dupla Racing Point virtual (Botosso/Marques), corriam juntas na volta 5, um prenúncio de podium da Mercedes rosa; Botosso em terceiro, Marques em quarto. Em sua tocada segura, o piloto chegou a flertar com o topo do pelotão na volta 14. Na prova, esteve atrás de nada mais nada menos do que Nocera, o piloto vinha com muita segurança no P4 da prova, com efeito, seu concorrente sem asa dianteira na volta 30, "colocou" Marques no podium. A melhor apresentação do piloto, somando um total de 53 pontos no campeonato.

 

P4- SANDRO NOCERA

O quarto lugar da prova foi Sandro Nocera, piloto da Toyota virtual, que largou em segundo lugar do grid, porém, é ultrapassado por Silva ainda na primeira curva. Nocera chegou a ficar em quinto lugar da prova, logo nas primeiras voltas, se recupera, volta a oscilar na pista, até acertar o carro e o posto, ficando em terceiro lugar da prova, por volta do giro 17. Com efeito, na volta 30 da race, o piloto perde asa dianteira, tendo que parar nos boxes, perde praticamente o seu lugar (cativo) no podium, voltando em quinto, atrás de Fungaro, quando o piloto da Ferrari virtual parou nos boxes, Nocera sacramenta o seu posto. Sandro soma um total de 177 pontos.

SANDRO NOCERA FAZ A VOLTA MAIS RÁPIDA 1:32.983

 

P5: FRED FUNGARO

Fungaro coloca a sua Ferrari virtual em um ótimo posto, em sua luta frenética "contra tudo" e contra todos, junto com seu companheiro de equipe Figueira, fazem uma das melhores prova da dupla. Afastam a Toyota virtual do top-2 dos construtores, com muita dignidade. Fungaro largou de pneus médios, em décimo primeiro lugar do grid. O piloto foi galgando posições, chegou a flertar na parte de cima do pelotão. No momento final da prova, em seu embate com Pierre (Renault virtual), que o piloto sacramenta o seu posto, após parada nos boxes, o piloto ultrapassa o canadense com estilo. O piloto soma um total de 50 pontos.

 

P6: JEAN PIERRE

O canadense Jean Pierre, piloto da Renault virtual foi o quinto lugar da corrida até a última volta da prova, onde perde o posto para Fungaro. Pierre largou em nono do grid de largada, de compostos médios. Seus maiores embates na prova foi com Fábio Muniz (Haas virtual), que foi uma pedra no sapato do canadense. Ultrapassagens hora de Muniz sobre Pierre, ora de Pierre sobre Muniz, até que o canadense afastou o seu oponente de vista, contudo, no fim da prova, Muniz está bem atrás de Pierre, no sétimo posto, inseparáveis até o fim. O piloto soma um total de 56 pontos, no quesito tabela de pontos, Pierre está longe de Muniz.

 

P7: FÁBIO MUNIZ

Muniz e a sua Haas virtual, uma pedra no sapato de seus oponentes, terminou a prova com muita luta no traçado de Austin. O piloto largou de compostos brancos, na décima terceira posição do grid. Entre embates, toques, advertências e manobras, o saldo foi positivo ao piloto da Haas virtual. Seu melhor posto foi um sexto lugar na corrida, seus embates com Pierre foi um dos melhores momentos da prova. Muniz soma um total de 22 pontos na temporada.

 

P8: ADRIANO RIBEIRO

Ribeiro, piloto da Toyota virtual largou em sétimo lugar do grid, porém, logo na largada, o piloto perde alguns postos, entre contatos e toques, o piloto vai parar nos boxes sem asa dianteira, volta no fim do pelotão, devido às circunstâncias. O piloto ganha alguns postos, na volta 17 é o décimo primeiro. Ribeiro chegou a se tocar com Igor César na prova, indo os dois pilotos para a grama, após esse epsódio, Ribeiro assume o nono posto. O piloto já teve provas melhores, mas com tantos problemas na pista, terminar a prova e pontuar é considerável. Ribeiro é top-5 do campeonato soma um total de 131 pontos na temporada.

 

P9: IGOR CÉSAR

O piloto da Mercedes virtual, Igor César, largou muito bem do grid, quarto lugar, na mesma linha dos vencedores (compostos médios), porém, na primeira volta, César cai para sétimo lugar do pelotão, no giro 13 o piloto está em décimo lugar. Entre toques, contatos e penalizações, o piloto termina a prova na zona de pontuação. César soma um total de 88 pontos. 

 

P10: FLÁVIO FALCÃO

Falcão e a sua Renault virtual fecha o quadro da zona de pontuação, entre os 14 carros do grid de largada, perseveraram os dez pilotos. O piloto largou em último lugar do grid, devido à uma penalização da corrida anterior. O piloto largou de compostos médios, a mesma estratégia da maioria dos pilotos. Flávio soma um total de 15 pontos no campeonato.

 

COM EMOÇÃO OU SEM EMOÇÃO?

 

Temporada longa (21 etapas) grid enxuto (14 carros), quatro abandonos: Cardoso, Botosso, Hartstein, Benício. Top-5 de peso: Ranieri (311), Figueira (265), Silva (198), Nocera (177) e Ribeiro (131), em uma corrida que não parou para nada, full time, sem sair de cima. Entre as ausências da prova, tivemos Silveira e Ranieri, dois pilotos que conhecem os caminhos das pedras, porém, a ausência do líder Ranieri, deu ao campeonato, um pouco mais de emoção. Restam apenas três etapas, 78 pontos em disputa, título em aberto, pero no mucho. Afinal, Ranieri pode acabar com o jejum de vitórias no México, se acontecer, o piloto estará super cotado.

 

CONSTRUTORES:

McLaren virtual 509

Ferrari virtual 315

Toyota virtual 308

 

PRÓXIMA ETAPA GP DO MÉXICO 8/11

 

RF1 Brasil, automobilismo virtual levado a sério

Assista o VT completo e fique por dentro de todas as emoções da corrida